f y i

Transição capilar: passo a passo para chegar ao cabelo desejado

Muito se fala sobre o assunto, mas você sabe o que é transição capilar? Podemos definir como o processo em que o cabelo perde toda a química até voltar a ser 100% natural, ou seja, parar de fazer tratamentos como alisamentos, relaxamentos, permanentes, escovas progressivas ou definitivas.

Nós sabemos que é algo difícil e demorado, por isso, temos 5 dicas que vão te ajudar a ter um cabelo bem cuidado do início ao fim da transição capilar.

1. Respeite o seu tipo de cabelo

A decisão de parar de utilizar produtos químicos para alisar os cabelos e ter de volta a textura natural dele deve ser totalmente sua. Atualmente, cresceu muito o número de mulheres que passaram por esse momento de transição, mas não faça isso porque é uma tendência, pense em como você se sente melhor e aceite o seu cabelo como ele é. Se você prefere seu cabelo liso, não há problema nisso. Mas se você faz química para se enquadrar em um padrão e não se sente bem, comece agora mesmo a transição.

2. Exercite a paciência

O cabelo cresce, em média, 1 cm por mês. Por isso, a paciência é uma virtude muito necessária nessa fase, especialmente quando o cabelo começar a crescer e apresentar duas ou mais, texturas diferentes. O fim da transição capilar pode levar tempo para acontecer, já que depende diretamente da velocidade de crescimento dos fios e do poder da química utilizada anteriormente. Para os momentos difíceis, a próxima dica é fundamental.

3. Aprenda novos penteados

Enquanto o cabelo cresce, haverá dias em que você vai querer utilizar chapinha, babyliss ou secador, mas seja forte. Se usados com frequência eles podem danificar o fio e retardar o resultado, então abuse dos penteados nessa fase para disfarçar as texturas diferentes do seu cabelo. Existem tutoriais na internet que ensinam diversos penteados de tranças, rabos de cavalo e coques, por exemplo. Para momentos de correria no dia a dia, use também acessórios, como presilhas, faixas e turbantes.

4. Hidrate os fios com frequência

Nesse momento de transição o seu cabelo precisa de cuidados especiais, especialmente entre a parte alisada e a natural do fio. Começar a seguir o cronograma capilar é uma excelente dica para manter os fios saudáveis por meio de uma rotina semanal de hidratação, nutrição e reconstrução. A hidratação repõe a água dos fios, a nutrição e a reconstrução fazem a reposição dos óleos e da queratina, respectivamente.

5. Corte as pontinhas aos poucos

Conforme o cabelo vai crescendo, você pode cortá-lo aos poucos para retirar essa parte que ainda tem química. Muitas mulheres também fazem o famoso Big Chop ou BC, que pode ser traduzido como Grande Corte, em que é cortada toda a parte do fio que tem química de uma só vez, deixando o cabelo bem curtinho. Se você é muito apegada com o seu cabelo ou prefere ele mais comprido, é melhor cortar as pontas enquanto ele cresce.

A transição capilar acaba oficialmente quando não existe mais nenhuma química no cabelo, mas isso não quer dizer que os cuidados com ele acabaram. Continue com o cronograma capilar e utilize sempre produtos que sejam de acordo com o seu tipo de cabelo. Independente de quanto tempo demore, o resultado será gratificante! Muitas mulheres que nem se lembravam de como era a textura natural dos cabelos, descobriram na transição uma ferramenta de autoconhecimento e aceitação.

Gostou das dicas? Escreve aqui nos comentários como está a sua experiência com a transição capilar!


Autor: Bothânico Hair
Data da postagem: 30/04/2018
Tags: , , ,


Notícias Relacionadas

Você sabe qual
produto usar?

Descubra sua
linha ideal

Cadastre e fique por dentro das nossas novidades